Home / Prive Contos Eróticos / Prive Contos Eróticos – Comido pelo Garçom Dotadão da Pizzaria

Prive Contos Eróticos – Comido pelo Garçom Dotadão da Pizzaria

Ontemestávamos em casa numa boa assistindo um filme quando bateu aquela fome, olhei pra minha namorada e estávamos os dois com preguiça de cozinhar, então fomos à pizzaria, quando chegamos lá pude perceber que havia algumas pessoas diferentes trabalhando lá, escolhemos a mesa e logo veio um belo homem nos atender, disfarcei que estava olhando o cardápio e dei uma olhada geral nele, corpo normal, + ou – 1,78 de altura, moreno jambo, cabelo baixo, uma bela voz, pedi uma coca cola só pra ele ter que passar pelo corredor que ficava nas costas da minha namorada, pude observar melhor, ficamos conversando na mesa e toda vez que ele passava eu dava uma olhada pra ele, depois veio nos servir, muito atencioso, seu nome é Gustavo, depois de muito olhar e ele percebeu logo de cara que ele chamou minha atenção, ficamos nessa troca de olhares por um bom tempo, e ele começou a ficar mais ousado, pois cada vez que passava no corredor a minha frente de mãos vazias dava uma passada de mão ou uma pegada no pau dele, já estava de pau duraço e ele me provocando, até que minha namorada resolveu ir ao banheiro, e ai foi à revelação, pois ele veio à mesa e perguntou:Precisa de alguma coisa?

Respondi que não, que estava tudo certo!
Posso completar seu copo?
Sim, pode sim! E como eu estava escrevendo continuei escrevendo.
Ele então colocou um pedacinho de papel debaixo do meu copo e disse:
Pode guardar para você! Espero não ter me enganado! Mais qualquer coisa me desculpe!
Não entendi nada e peguei o papel e vi seu nome e seu celular, respondi pra ele:
Não se enganou não, vai ser útil ainda hoje!
Que bom, pois depois das 00:30 tudo pode né…
Dei uma risada e guardei o papel no meu bolso, minha namorada chegou e acabamos de comer e levei ela embora, nem entrei na casa dela, disse que estava com sono! Fui pra casa e liguei para ele, Gustavo foi super atencioso, gentil, pediu desculpas por não atender a primeira ligação, perguntou se eu podia pega-lo a 01:00 na rua de trás da pizzaria, disse a ele que estaria esperando e agradeceu.
No horário lá estava eu morrendo de medo, com aquele frio na barriga, quando ele virou a esquina e abriu um belo sorriso, ele estava de calça preta e camiseta agora, ele chegou me cumprimentou e me pediu pra irmos a algum lugar mais calmo. Sai com a moto e durante o caminho convidei ele pra relaxar num motel comigo, ele de pronto aceitou e disse estou mesmo precisando disso, relaxar bem acompanhado!
No caminho para o motel passamos por umas ruas escuras e desertas, parei a moto próximo a uma arvore desci da moto e ele meio que assustado me disse: O que aconteceu?
Respondi: Nada, só não agüento mais o desejo de beijar sua boca linda!
Ele nem esperou mais nada me deu um beijo delicioso, suas mãos me envolveram e parecia que iam nos tornar um só! Subimos na moto e chegamos ao motel, estava lotado, e fomos a outro que ele escolheu, pediu o quarto pelo numero, e quando chegamos ele me surpreendeu beijando-me por trás, me agarrando, foi tirando minha roupa, sem parar de me dar carinho, rapidamente estava só de cueca e ele de cueca e camiseta, foi muito rápido, nos deitamos e fui curtindo aquela boca deliciosa em todo meu corpo, ele só não chupou meu pau, mais o resto do meu corpo todo sentiu aquela língua maravilhosa e quente, foi lambendo meu cuzinho e me deixando louco, depois de me preparar bem me colocou na posição de frango assado e enfiava sua língua em mim, depois fizemos um 69 sensacional, o pau dele é normal uns 17 ou 18 cm, grossinho, que delicia colocar ele todo na boca, chupar a cabecinha, chupar seu saco, suas bolas, ele gemia gostoso o que me deixava ainda mais tesudo, ele foi se virando e começou a me beijar, enquanto seu pau brincava na entrada do meu cuzinho, que sensação deliciosa, sentir aquele pau ali tão próximo de entrar e eu louco pra senti-lo, comecei a pedir pra ele:
Me fode! Soca esse pau todo em mim!
Estava esperando você pedir! Respondeu o Gustavo, foi socando pedacinho por pedacinho, enquanto me beijava ali de frango assado eu me sentia num espeto, que delicia quando seu pau entrou todo e ele começou a rebolar, seu pau fazia um movimento diferente, eu sentia encostar em todos os lados por dentro de mim, até que ele tirou seu pau todinho e foi enfiando de novo, e fez isso por umas 3 vezes e começou a socar seu pau e tirar, movimentando bem rápido, e dizia:
Eu te servi bem, agora é você que precisa me servir! Rebola pra mim, rebola! Pisca esse cuzinho quente no meu pau e deixe ele conhecer o mais profundo do seu interior!
Quando ele começou a dizer:
Seu safado era isso que você queria Lana pizzaria né? Por isso ficava olhando pra mim com aquela cara de safado! Pensa que eu não vi você olhando pro meu pau, cada vez que eu pegava nele pensava nessa bunda linda que eu tinha visto quando você chegou! Agora sente meu pau te fodendo, senti ele entrando bem fundo em você! Daqui a pouco tem leitinho quente pra você, quer beber ou tomar um banho?
Quero beber disse pra ele! Que ficou alucinado socando seu pau todo em mim e não demorou muito e ele tirou seu pau de dentro de mim, arrancou a camisinha e me deu pra chupar, comecei a chupar e ele logo gozou, enchendo minha boca de tanta porra, depois me pediu para sentar no seu colo, como seu pau ainda estava duro entrou um pouco em mim e ele logo tentou tirar, mais sentei com tudo e comecei a me masturbar, ele gemia, pois dizia não agüentar duas diretas, mais seu pau continuou dentro de mim, gozei feito um louco e seu pau ainda estava duro, comecei a subir e descer no pau dele e ele passava suas mãos sobre a minha barriga espalhando toda minha porra pelo meu corpo, ele me agarrava forte e me puxava para que seu pau entrasse mais fundo, até que ele começou a gemer e dizer vou gozar, vou gozar, sai de cima dele e seu pau mal saiu de mim e já começou a espalhar muita porra, e ele dizia: Não acredito que gozei duas vezes seguidas e um monte de porra assim, melou toda minha bunda, meu saco, pois tirei o pau dele e sentei sobre ele fazendo ele gozar em nós dois. Depois nos deitamos juntos mais fomos interrompidos neste momento pelo seu celular, era sua noiva ligando, ele deu uma desculpa e disse que logo chegaria a casa dela, tomamos um banho juntos, um lavando o outro, senti seus dedos dentro de mim, depois senti ele jogando água com sua boca para tirar o sabão do meu cuzinho, nos beijamos muito, e depois o levei na casa da noiva dele, vim embora e estou ansioso aguardando quarta-feira, pois ele estará de folga e vamos nos ver novamente. Espero que você tenha curtido, pois tentei ser o mais detalhista possível.

Autor: Amigo Real

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*